Conceito aberto – O que é isso?

Conceito aberto – O que é isso?

A decoração atual está absolutamente centrada em “conceito aberto” e todos querem que a área de convivência seja um ambiente basicamente único.
De onde vem isso?
O chamado conceito aberto surgiu na década de 1990 em Nova York.

Neste período, antigos prédios industriais em áreas centrais com os andares quase sem divisões foram desativados de suas funções originais, por causa das dificuldades de trânsito e transporte de mercadorias por ali. Algumas pessoas que buscavam algo diferente e singular, viram ali possibilidades de moradias de ótima localização e os arquitetos acharam interessante criar espaços que não os descaracterizasse completamente. Assim, os projetos mantiveram as grandes áreas nos transformadas em apartamentos residenciais.

A partir de então, mesmo imóveis menores estão buscando seguir este conceito aberto, porque dá a impressão de que o ambiente é maior e mais bem utilizado. Isso significa que pode ser uma boa opção, desde um espaço limitado a um de bom tamanho.

Quando você não quer que seja um ambiente 100% integrado tem a opção de usar criatividade com móveis, divisórias e até cortinas.

COMO O CONCEITO ABERTO ENTROU NA DECORAÇÃO?

Alguns acham que ele evoluiu da chamada “cozinha americana”. Ela tinha originalmente um balcão de alvenaria com um tampo de pedra separando-a do restante da casa ou da copa, e dela evoluiu para o conceito aberto, quando esta divisão passou a ser um móvel chamado de ilha com pia, fogão e armários, agregando a função de cozinha e sala de jantar em um único espaço.

O mais comum do conceito é integrar a cozinha, a sala de jantar e a de estar. Mas, em alguns projetos arquitetônicos, como os lofts, as demais peças da casa podem se integrar.

A demarcação dos ambientes no conceito aberto acontece com a colocação dos móveis. As costas do sofá e o tapete, podem demarcar o estar e separá-lo do jantar. Um balcão divisor pode separ também a cozinha do jantar. A grande definição do conceito é a possibilidade de visualização do ambiente como um todo.

POR QUE ESSA TENDÊNCIA TEM AUMENTADO?

Hoje, o conceito aberto tem se tornado cada vez mais comum por diversas vantagens, dentre elas:

  • Ele permite que todos os presentes nas áreas interligadas possam interagir e, desta forma, promove a união da família, especialmente em um período onde os compromissos são cada vez maiores e o tempo junto diminuiu.
  • Ele permite plena socialização em eventos, encontros e reuniões, facilitando a comunicação entre as visitas e os anfitriões, uma vez que evita o deslocamento entre os espaços da casa.
  • Ele propicia que pais com filhos de todas as idades possam se ver, mesmo que alguns estejam fazendo uma refeição e os outros ou assistindo a um filme no estar.

A tendência é que todas as residências venham a aderir, dado as inúmeras vantagens.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.